Tabule de Couve Flor

Cauliflower Tabbouleh Salad

Esse tabule é uma versão mais saudável do original que leva trigo para quibe. Substituí o trigo pela couve flor cortada em pedacinhos. A couve flor é uma ótima opção para quem quer ingerir menos glúten ou substituir o arroz.

A textura e o sabor ficam deliciosos, além do mais é uma receita super fácil e rápida de fazer. Esse tabule pode ser servido como acompanhamento ou como prato principal, naqueles dias que estamos com pressa ou querendo alimentos mais leves.

A couve-flor tem propriedades anti-inflamatória, é rica em antioxidantes e fitonutrientes e contém vitamina C.

Os antioxidantes ajudam o organismo a se proteger dos danos causados pelos radicais livres e também ajuda a retardar o envelhecimento e prevenir danos em diversos tecidos e órgãos.

Outro composto benéfico da couve-flor é a colina, uma vitamina do grupo B que tem um papel muito importante na saúde e desenvolvimento do cérebro.

Ingredientes:

1 couve flor pequena
1/2 cebola roxa em cubos pequenos
1/2 pepino em cubos
2 tomates médios sem sementes em cubos
3 colheres de sopa de hortelã picado
cebolinha verde picada a gosto
3 colheres de sopa de azeite
suco de 1 limão
sal e pimenta a gosto
uva passas a gosto
semente de girassol a gosto

Modo de preparo:
Corte a couve flor em buquês e coloque-os em um processador de alimentos até que fique com a aparência de um arroz. Se não tiver o processador, pode ralar ou cortar com a ajuda de uma faca.

Em uma vasilha, misture a couve flor com o restante dos ingredientes. Misture para combinar os ingredientes e deixe descansar por pelo menos 30 minutos na geladeira para os sabores se harmonizarem.

Para decorar, use a capuchinha, uma flor comestível!

Recipe:
1 small cauliflower
1/2 red onion chopped
1/2 cucumber dices
2 tomatoes, seeded and diced
3 Tbsp. of mint leaves minced
green onion, green part thinly sliced to taste
3 Tbsp. olive oil
juice of 1 lemon
salt and black pepper to taste
black raisin to taste
sunflower seed to taste

Instructions:
Place de raw florets into a food processor and pulse until grain-size pieces with a food processor, grater or a knife.
Transfer this mixture to a large mixing bowl, add all of the other ingredients, and toss until well combined.
Leave in the fridge for at least 30 minutes to allow flavors to meld.

Add on top nasturtium blossoms to decorate!

Publicado em Culinária, Nutrição, Saúde | Deixar um comentário

Suco verde de kiwi

Morning sunshine kiwi smoothie

O kiwi é uma fruta repleta de vitaminas e minerais. O seu consumo contínuo fortalece o sistema imunológico e ajuda a evitar diversas doenças.

O kiwi é uma fruta riquíssima em vitaminas C e E e por isso considerado excelente antioxidante. A vitamina E melhora a circulação sanguínea e protege o cérebro de doenças degenerativas.

Ele também possui excelentes concentrações de vitaminas K, um nutriente responsável pelo controle da coagulação sanguínea e que também atua no equilíbrio dos níveis de triglicerídes do sangue, e com isso, contribui para a diminuição dos riscos de doenças cardíacas.

Por ter alta concentração de vitamina K, deve ser evitado ou consumido com muito cuidado por pessoas que tomam remédios anticoagulantes.

Receita para uma pessoa:
1 banana
1 kiwi
1 pedaço de aproximadamente 5 cm de pepino
1 mão cheia de machê ou outra folha verde – opções couve, rúcula, agrião, espinafre
Suco de meio limão
1 copo de kefir de água ou pode substituir por água ou água de coco
1/2 colher de chá de camu camu em pó
1/2 colher de chá de moringa em pó

Bater todos os ingredientes no liquidificador.

Recipe for one person:
1 banana
1 kiwi
1/2 English cucumber
1 handful of mache or other leafy greens like arugula, kale, spinach, watercress
Juice of half lemon
1 cup of water kefir or can substitute for water or coconut water
1/2 teaspoon of camu camu in powder
1/2 teaspoon of moringa in powder

Blend until smooth.

Publicado em Bem Estar, Culinária, Nutrição, Saúde | Deixar um comentário

Cheesecake vegano de manga

Esse cheesecake de manga vegano é uma delícia!

Completamente natural, cru e fácil de fazer estas barrinhas são feitas somente com ingredientes naturais.

Você pode armazená-las no seu freezer para quando tiver desejo de comer algo doce.

Essa receita foi inspirada nesta aqui. Serve: 10 barras grandes ou 20 barras pequenas

Ingredientes:

Para a crosta:

1 xícara de amêndoas

¼ xícara de coco ralado sem açúcar

1 copo de tâmara sem semente

Para recheio:

2 copos de castanha de caju deixar de molho durante a noite e de manha retirar a água e deixar secar

1 xícara de leite de coco – usar apenas a parte cremosa

6 colheres de sopa de óleo de coco

2 colheres de sopa de mel

suco de 1 limão

1 colher de chá da casca de limão

2 mangas grandes, descascadas e cortadas em cubos

Instruções:

Usar um tabuleiro 20×20 cm forrado com papel manteiga.

Em um processador de alimentos/liquidificador, junte as amêndoas, as tâmaras e o coco ralado até combinar. Se a massa não estiver suficientemente pegajosa, adicione mais algumas tâmaras.

Pressione a massa uniformemente no fundo do tabuleiro e coloque no congelador.

Em um processador de alimentos ou liquidificador de alta velocidade, adicione os castanha de caju e creme de coco. Misture-se até ficar completamente suave, cerca de 2-3 minutos.

Em seguida, adicione o óleo de coco, o mel, o suco de limão, as cascas de limão e os cubos de manga e bater no liquidificador até combinar.

Despeje a mistura em cima da crosta, espalhando-se uniformemente.

Coloque no congelador para firmar 2-4 horas antes de servir.

Sirva congelado ou deixe descongelar por 10 a 15 minutos para obter uma textura mais suave.

Publicado em Culinária, Nutrição | 4 comentários

O dia ainda tem 24 horas?

Algumas coisas só conseguimos perceber quando diminuimos o ritmo. Muitas vezes fico impressionada em como os dias estão passando rápido, como tudo ao meu redor parece acontecer em um tempo muito diferente.

As justificativas são diversas, o dia não tem mais 24 horas, a sensação está relacionada à quantidade enorme de informações e experiências que estamos vivendo ou que estaríamos nos distanciando do nosso ritmo biológico natural por causa do excesso de tecnologia.

Uma pergunta eclode nesses momentos: Será que o mundo está realmente mais acelerado ou eu que não paro de pensar?

O mundo que enxergamos não representa um todo, mas apenas aquela parte limitada que nossa mente permite. Muitas vezes temos a sensação de que essa parte limitada que escolhemos focar retrata o universo, quando na verdade é apenas uma pequena porção.

Nosso mundo se torna aquilo que a nossa mente focaliza. Quando focamos em pensamentos negativos e assistimos noticiários que trazem apenas negatividade, nosso mundo parece ser negativo também. Quando mudamos a direção e nossos pensamentos são de alegria e compaixão, o nosso mundo também parecerá ser desta forma.

Quando se sentir sobrecarregado ou muito ocupado lembre-se que temos o poder de mudar e que o mundo ao nosso redor somente estará calmo quando nossa mente estiver.

Publicado em Saúde, Ser Simples | 4 comentários

Brigadeiros mágicos!

Fizemos esses brigadeiros durante um final de semana em que estavamos em um círculo de mulheres muito especiais, trabalhando o sagrado que existe em cada uma de nós, manifestando nossa exuberante beleza e força criativa.

Durante esses dias nos deliciamos com uma alimentação especial, com receitinhas que nutrem nosso corpo e nossa alma.

Uma amiga me disse que aprendi essa receita com os gnomos, que os brigadeiros tinham tanta vida que traziam alegria para todo o ambiente. E assim fomos nós, colocando intenção em cada ingrediente que adicionávamos.

Uma pitadinha de amor, duas de alegria, três de entrega, tudo envolvido em muita coragem.

 Para fazer aproximadamente 50 bolas:

Ingredientes:

3 cenouras médias raladas

1 copo de aveia

1 copo de sementes de girassol

1/2 copo de tâmara sem semente

1 col de sopa óleo de coco

1 colher de chá de canela

1/2 colher de chá de gengibre em pó

Linhaça para enrolar

Instruções:

Coloque as cenouras em um processador de alimentos ou liquidificador e bata até que elas estejam bem picadas.

Adicione os ingredientes restantes, com exclusão da linhaça e bata até a mistura formar uma bola grande. Isso levará algum tempo, 5 ou mais minutos, mas seja paciente.

Usando uma colher de chá faça as bolas e passe na linhaça.

Refrigerar por algumas horas.

Nota: Se as bolas estiverem bem macias quando feitas, não se preocupe, basta refrigerar durante algumas horas para melhorar a consistência.

Publicado em Culinária, Nutrição, Saúde | 4 comentários